Março 10, 2021

Doutrina Moroe

Teoria atribuída a James Monroe, o quinto presidente dos Estados Unidos da América do Norte (1823) que abraçou a política externa de seu país em relação ao continente americano. Com isso, tentou prevenir a interferência dos Estados europeus neste espaço em um momento em que o imperialismo começou a se desenvolver. Ele avisou as conseqüências de que a agressão espanhola poderia levar a territórios recém-emancipados. A frase “América para os americanos” vem resumir esta política, desenvolvida sistematicamente a partir da idade de 40 anos.

da ideia original, a Doutrina Monroe serviu aos Estados Unidos para fazer o que era precisamente para subtrair com precisão Poderes. Ele justificou a anexação do Texas à custa do México em 1845 e – no século XX – foi usado para argumentar numerosas intervenções, entre outras, as de Cuba, Chile (1973), El Salvador, Nicarágua e Panamá.

A doutrina Monroe levantada de suas origens a oposição do resto dos estados americanos, como mera subterfúgio do grande poder norte de ingerir em seus assuntos internos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *